Brasileiros desconhecem sobre segurança da informação nas plataformas móveis

Brasileiros desconhecem sobre segurança da informação nas plataformas móveis 9 em cada 10 brasileiros não sabem se as informações contidas em seus celulares estão seguras. Esta é uma das descobertas da pesquisa Global Omnibus, realizada mundialmente pela Symantec, incluindo 1.000 brasileiros, que foram ouvidos entre junho e julho de 2013. O estudo aponta que os entrevistados se preocupam com a privacidade das informações e dados armazenados em seus equipamentos móveis, apesar de desconhecerem o funcionamento da segurança das informações nestes dispositivos.

Diante deste cenário, uma discussão contemporânea e importante vem à tona: será que os brasileiros sabem lidar com a linha tênue entre a privacidade na vida real e digital com a realidade moderna da Internet e das redes sociais? Entre os brasileiros entrevistados, mais de 70% compartilhariam o seu endereço de e-mail; 61%, o seu nome; 52%, a data de aniversário; 35%, o número de telefone; e 25%, a localização física a partir dos dispositivos móveis.

Por outro lado, apesar da preocupação que usuários demonstram em deixar suas informações protegidas, eles continuam expondo seus equipamentos móveis em situações de risco iminente. Segundo dados apontados pelo estudo Modern Fan, também realizado pela Norton da Symantec, cerca de 70% dos brasileiros que frequentam eventos de massa, como jogos esportivos e festivais musicais, postam conteúdos em mídias sociais para melhorar a sua experiência pessoal na ocasião. Para os entrevistados, por exemplo, o item mais importante para se levar aos grandes eventos é o celular, em seguida, o dinheiro em espécie e depois o documento de identidade.

Veja abaixo as demais descobertas do estudo da Symantec Global Omnibus relacionada ao usuário brasileiro:

· Preocupação com a privacidade online está em constante crescimento

– 90% dos brasileiros está mais preocupado em proteger a sua privacidade online do que há cinco anos. Este número é maior que entre os americanos (76%). Em contrapartida, 61% disse que não tem controle suficiente de suas informações online.

– Cerca de 7 em cada 10 brasileiros (69%) desinstalariam um aplicativo móvel se ele estivesse coletando ou compartilhando suas informações pessoais e 52% disse que pararia de utilizá-lo.

-15% dos entrevistados já tiveram problemas com privacidade ao usar Apps móveis e 45% apontou conhecer alguém que teve uma experiência ruim com um aplicativo.

· 9 em cada 10 brasileiros disseram se sentir confortáveis ao compartilhar informações pessoais com uma companhia em troca por um App gratuito

– 71% dos brasileiros está disposto a dividir o seu endereço de e-mail com terceiros e 61% compartilhariam o seu nome. Nos Estados Unidos, estes números são menores: 58% e 49%, respectivamente.

– Entre as demais informações que seriam compartilhadas pelos brasileiros estão: data de aniversário (52%), número de telefone (35%) e localização física (25%).

· Usuários brasileiros sabem o que os aplicativos móveis podem fazer

– Mais de 8 em cada 10 brasileiros (82%) apenas realiza downloads de aplicativos de fontes confiáveis. Nos Estados Unidos, este número cai para 50%.

– 75% dos entrevistados locais sempre lê as permissões antes de baixar qualquer App.

– Quase 3 em cada 10 pessoas (28%) não sabem que ao clicar em um App podem receber SMS em seu equipamento após esta ação.

– 18% dos entrevistados disse desconhecer que aplicativos podem coletar e exportar dados pessoais e 13% não sabe que Apps podem colocar propagandas na barra de notificações do dispositivo.

Fonte: Adrenaline UOL