Pacote Tuesday da Microsoft causa grande problema mundial

Pacote Tuesday da Microsoft causa grande problema mundialNovamente a Microsoft causa um estrago de nível mundial com seu pacote de atualização das terças-feiras de novembro, 10/11/2015. O pacote da vez foi o KB3097877 que resolve vulnerabilidades no Windows. As vulnerabilidades mais grave pode permitir a execução remota de código se um invasor convence o usuário a abrir um documento especialmente criado ou para ir para uma página da Web não-confiável que contém fontes incorporadas.

A Microsoft também relata que todas as futuras atualizações de segurança e não relacionadas a segurança para o Windows RT 8.1, para o Windows 8.1 e para o Windows Server 2012 R2 exigem que a atualização 2919355 esteja instalada. Recomendamos que você instale o update 2919355 em seu computador compatível com o Windows RT 8.1, compatível com o Windows 8.1 ou compatível com o Windows Server 2012 R2 para que você receba as futuras atualizações.

O problema foi que após a instalação desse pacote de atualização milhares de máquinas ficaram com a tela preta após digitar o famoso comando CTRL+ALT+DEL para realizar o login. Esse relato parti de diversos locais do mundo como Estados Unidos. No Brasil já recebi relatos no PortalTIC e pro e-mail pessoal também, além de estar vivenciando esse problema agora. A Microsoft ainda não apresentou nenhuma solução e nem respondeu a nenhum dos relatos no Blog do TechNet. Após estudar algumas soluções o que achei mais viável e rápido para resolver o problema foi:

  1. Realize o acesso Remoto via “Remote Desktop Protocol” (RDP)
  2. Após acessar como administrador do sistema, abra o CMD (Command-Line), ou linha de comando.
  3. Execute o seguinte comando: wusa /uninstall /kb:3097877 /quiet /norestart

Com esse comando a atualização KB3097877 será removida e assim você pode reiniciar a máquina remotamente para que a remoção completa seja executada. Após isso sua máquina deveria voltar a normalidade.

Estimados leitores, boa sorte e qualquer nova contribuição aguardo e-mail.