Dell projeta celular Windows com processador de nível de laptop

O Windows 10 em celulares não vai bem das pernas, mas as esperanças dos entusiastas residem no lendário Surface Phone, especulado para 2017. A Dell projeta celular Windows, no entanto, poderia ter mudado a sorte da plataforma antes disso com um celular que nunca foi lançado. O aparelho da empresa se destacaria por carregar um processador Intel com desempenho próximo ao encontrado em laptops.

A imagem no topo desta notícia foi publicada pelo jornalista Evan Blass, conhecido por manter o perfil @evleaks no Twitter, onde publica regularmente imagens de celular ainda não revelados ao público. Em seguida, Paul Thurrot, um dos principais jornalistas especializados em Microsoft, confirmou com fontes que se tratava de um aparelho da Dell. Também foram publicadas as imagens abaixo:

Reprodução

A ideia de ter um processador de laptop com arquitetura x86 dentro de um celular é interessante, especialmente se tratando do Windows 10 Mobile, que tem o recurso Continuum. Não seria muito difícil imaginar o aparelho podendo ser plugado em um monitor para rodar até softwares win32 (aqueles que você não baixa pela loja do Windows) como um Photoshop, por exemplo. Na prática, seria mais um notebook em um formato diferentão com capacidade de conectar-se à rede celular.

Apesar do conceito interessante, o fato é que, aparentemente, o projeto não foi para frente, e não é muito difícil deduzir os motivos, especialmente ao olharmos as dimensões do aparelho retratado nas imagens. O celular seria pequeno, fino e com um processador bastante potente, o que costuma ser uma receita para o superaquecimento. Também é histórica a dificuldade da Intel em fornecer chips de baixo consumo de energia para dispositivos pequenos como um smartphone; os chips Atom nunca vingaram, e os Core M dependem de mais espaço para dissipar calor.

Assim é muito provável que este celular jamais veja a luz do dia. Isso dito, não há apenas más notícias para o entusiasta do Windows em celulares. O fato de a Dell ter pensado em um aparelho do tipo significa que ainda há empresas pensando em formas inovadoras de usar o Windows 10 Mobile, e isso pode ser um alento para uma plataforma que não recebe um grande lançamento há mais de um ano.

Fonte: OlharDigital

Save

Save

Save

Save